Festival Brasileiro de Filmes de Aventura, Turismo e Sustentabilidade

468×60 top

Em sua sétima edição o FATU acrescenta Sustentabilidade ao nome e será o primeiro a ter emissão de Carbono Zero.

A sétima edição do FATU vai acontecer em Caxias do Sul e em Socorro, e assume oficialmente sua vocação de sustentabilidade.

O FATU – Festival Brasileiro de Filmes de Aventura e Turismo, que acontece desde 2005, foi pioneiro ao ser o primeiro, e até agora único, festival nacional dedicado a filmes de aventura e turismo. Participaram também produções sobre ambientalismo.

“O Brasil tem uma vocação latente gigantesca, literalmente do tamanho de sua área geográfica, em belezas naturais que podem ser locações de inúmeras produções de filmes nacionais e estrangeiros. Se o cinema urbano vende muito bem atualmente, é difícil achar um estrangeiro cinéfilo que não tenha visto nossas favelas através das produções que exportamos. Tráfico, assassinato, miséria nós vendemos bem, obrigado. Mas é mesmo esta imagem que queremos mostrar ao mundo?” diz, Yuri Sanada, diretor do Festival.” Temos provado, desde 2004, que podemos fazer filmes igualmente interessantes fora das cidades, mostrando os valores de nossos povos do campo, a natureza exuberante, figuras importantes para o conservacionismo, e muito mais. Até tem produções de Hollywood vindo gravar aqui. Você não anda pela Amazônia ou Pantanal sem topar com uma equipe estrangeira capturando nossas maravilhas em película ou digital. Se isto vende lá fora, por que nós não abrimos os olhos também? Afinal mostrar a nossa natureza atrai turistas nacionais e estrangeiros, ajudando as comunidades locais”, complementa.

Vera e Yuri Sanada, que além de ter criado e produzir o FATU desde 2004, também estão a frente de outro projeto de sustentabilidade, desde 1991.

O festival surgiu primeiro com uma oficina de vídeo executada durante  a Adventure Sports Fair, na capital São Paulo, oito anos atrás. A diferença deste evento para os mais de cem festivais que acontecem Brasil afora, é o originalidade dos temas principais: Aventura e Turismo, que também incluia ambientalismo. A partir deste ano a participação de filmes de Sustentabilidade se torna oficial.

“Acrescentamos Sustentabilidade por dois motivos principais. Primeiro porque os filmes que são inscritos todos os anos, por produtores de todo Brasil, são em sua maioria filmes feitos na natureza. Ao mostrar as imagens, o festival incentiva o ecoturismo para as regiões mostradas nos filmes, ou seja, ajuda realmente o desenvolvimento sustentável da localidade. Afinal, todos sabem, que o ecoturismo quando bem planejado pode ser a principal atividade econômica que ajuda a fixar o homem no campo.” diz, a produtora Vera Sanada. “Segundo porque acreditamos que o festival tem o dever de propagar as boas práticas sustentáveis, que hoje até viraram moda entre empresas, entidades e indivíduos, mas poucos sabem realmente o que significa. Os filmes de sustentabilidade nas etapas do festival vai ajudar a divulgar os bons exemplos de práticas sustentáveis, tanto brasileiros quanto internacionais”.

A partir deste ano, o festival FATU assume oficialmente sua vertente verde, adicionando a denominação “sustentabilidade” a seu nome. Para celebrar isto, o FATU vai neutralizar a emissão de carbono de ambas as etapas, em São Paulo e no Rio Grande do Sul, se tornando o primeiro Festival de Cinema do país com esta atividade.

Cena de uma das sessões dos filmes em exibição no FATU, no Cine Cavaliere Orlandi, Socorro, SP.

O Festival vai acontecer primeiro em Caxias do Sul, de 26 de setembro a 2 de outubro e em Socorro, SP, de 17 a 23 de Outubro.

As inscrições para produtores profissionais e amadores são gratuitas e estão abertas até 31 de julho de 2011, pelo site do festival em www.fatu.com.br.

Os participantes concorrem em 12 categorias.

Ad Produtora curtiu isso.


Compartilhe! Share!
468 ad

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

468×60 bottom
Anuncie aqui 728×90